Em Foco: Puffles de Elite

Olá, pinguins!

Esta semana, numa das edições do Túnel do Tempo, o Club Penguin falou sobre Puffles de Elite e, apesar de eu ter um, o Foguinho, apercebi-me de que sabia muito pouco sobre eles. Foi por isso que resolvi dedicar-lhes esta edição do "Em Foco". Vamos então saber mais sobre os Puffles de Elite, que são puffles muito parecidos com os que vemos habitualmente no jogo Club Penguin online só que, como foram especialmente treinados pela TP para ajudar os agentes em missões, possuem habilidades especiais.



Comecemos por apresentar os dez Puffles de Elite, conhecidos até ao momento. São eles: Kika, Adrenalina, Foguinho, Lacinho, Pop, Lelé, Quindim, Chill, Lucky e Gulp!



  • Kika (Bouncer) é um Puffle Azul que foi treinado para jogar bolas de neve e as suas atividades altamente secreta. Este puffle de elite usa um Boné Vermelho e diz-se que se faz passar por um puffle normal nas missões secretas.
  • Adrenalina (Blast) é um Puffle Vermelho que pode entrar dentro de um canhão e atirar-se em objetos. Este puffle de elite usa um capacete e há rumores de que é amigo de Yarr.
  • Foguinho (Flare) é um Puffle Preto que foi treinado para soldar objetos. Este puffle de elite usa uma máscara de soldagem, e pode lançar uma chama azul circular. É o único puffle que pode acompanhar os jogadores na ilha e há rumores de que é amigo de Yarr.
  • Lacinho (Loop) é uma Puffle Rosa que foi treinada para laçar objetos que se movem. Esta puffle de elite usa um Chapéu de Cowboy e diz-se que deixa a ilha como um submarino para explorar território desconhecido de forma dissimulada.
  • Pop (Pop) é um Puffle Roxo que sopra bolhas super fortes, capazes de elevar objetos pesados. Este puffle usa um par de Óculos Estrelados e há rumores de que uma vez deteve um vilão bem conhecido só com uma bolha.
  • Lelé (Flit) é um Puffle Verde treinado para voar e trazer objetos que estão muito altos. Este puffle de elite usa um Boné com Hélice Vermelho com o qual pode cortar cordas. Diz-se que é o auxilar secreto de Rookie embora o agente possa nem ter notado.
  • Quindim (Chirp) é um Puffle Amarelo que foi treinado para tocar sua flauta tão alto que é capaz de quebrar grandes objetos, como blocos de gelo. Este puffle de elite usa uma boina e diz-se que ajuda a detetar falsificações.
  • Chill é um Puffle Branco que pode congelar coisas  usando seu sopro gelado. Correm rumores de que está ligado aos agentes secretos e aos ninjas.
  • Lucky é um Puffle Dourado muito ágil e inteligente, o mais sábio dos Puffles de Elite, além de ser ótimo em esconde-esconde.
  • Gulp é a mais nova Puffle de Elite e ajuda a EPF em missões que tem a ver com comida, tipo um ataque de um sorveteorito e o seu sorvete preferido é de biscoito de menta.


Os Puffles de Elite apareceram, pela primeira vez, em novembro 2008, no jogo "Club Penguin: Elite Penguin Force", para Nintendo DS. Eram sete, Kika, Adrenalina, Foguinho, Lacinho, Pop, Lelé e Quindim, e podiamos chamá-los para nos ajudar nas missões do jogo com as suas habilidades, usando o apito que se encontrava no canto inferior direito da tela. Eles foram treinados pela TP numa sala secreta, com entrada pelo Dojo, a Puffle Training Room. Chill, o puffle branco, também apareceu numa das missões do jogo mas ainda não era um Puffle de Elite. No entanto, como ele parecia querer juntar-se à equipe, a TP decidiu treiná-lo.


Passado um mês, em dezembro de 2008, todos os jogadores tiveram a oportunidade de ver os sete Puffles de Elite no livro "As Aventuras dos Amiguffles: A Mágica da Música",  que foi colocado na Sala de Leitura durante durante a Festa de Natal.


Em maio de 2010 é lançado o segundo jogo do CP para Nintendo DS, "Club Penguin: Elite Penguin Force: Herbert's Revenge", no qual Chill aparece pela primeira vez como um Puffle de Elite oficial. Também com este jogo o Foguinho se torna um puffle "adotável" pelos jogadores pois, após fazerem o teste da EPF online, usando um código que vinha com o jogo, os jogadores podiam ter acesso à função Pufflapito nos seus telefones da EPF a qual lhes permitia chamar o Foguinho e andar com ele pela ilha. No entanto, o Foguinho funciona como um item de nadadeira e não como um puffle. Também em 2010 os oito primeiros Puffles de Elite apareceram no livro "Um Dia de Puffle", um livro físico lançado pelo CP.


Lucky, o puffle Dourado, só foi revelado em setembro de 2014 numa história em quadrinhos das edições nº 27 e 28 da Revista do Club Penguin. De acordo com a história Lucky foi hipnotizado por um som, entrou numa Academia de Elite, juntamente com seu dono, encontrou um robô e o ativou. Quando Gary apareceu na Academia com Foguinho, o puffle preto quase foi pego, mas Lucky amarrou o robô e o Pinguim Inventor, que ficou impressionado com aquilo, decidiu transformá-lo em um Puffle de Elite. Quando a TP tenta treinar o Lucky  junto com outros Puffles de Elite, devido a um erro de Quindim, todos caem numa passagem secreta e nas mãos do Aniquilador criado por PDT10K. Lucky escapa e toca a Flauta Puffle, libertando todos e destruindo os vilões. Assim se tornou um Puffle de Elite.

Gulp, o último Puffle de Elite a ser conhecido, é revelado em abril de 2015, também numa edição da Revista do Club Penguin. a edição nº 34. Na história contada na revista Gulp ajuda a EPF a salvar a ilha destruindo um sorveteorito com sabor a biscoito de menta.


Relativamente a outras curiosidades sobre Puffles de Elite, é de referir que num artigo da edição n° 494 do Club Penguin News, a TP disse que os Puffles Guaxinins Azuis estavam interessados em tornar-se Puffles de Elite. É ainda de referir que a equipe do CP planeava lançar mais Puffles de Elite, existindo até um rascunho com o Puffle Marrom de Elite, que nunca saiu do papel.


O que acharam desta edição do "Em Foco"? Conheciam todos os Puffles de Elite e a sua história? Deixem -nos suas opiniões nos comentários e se souberem mais alguma coisa acerca destes puffles com habilidades especiais, não deixem de nos contar! Até mais!

Joaninha

Créditos à Club Penguin Wiki, de onde tirei grande parte da informação usada na postagem e agradecimentos ao Técnico1 e ao Nature pelas imagens e informações sobre o Lucky e o Gulp.